topbella

quinta-feira, 18 de março de 2010

Não morrem em mim...


Não morre em mim o som da risada, o jeito carinhoso como me chamava de Ném. Não morre em mim a lembrança da noite não dormida, justamente por algo que não morreu.

Não morre em mim a mistura de paixão e amizade das noites de verão. As brincadeiras pelo prédio, o silencio que falou por si só tantas vezes e os beijos confusos de quem não sabia bem o que sentia.

Não morre em mim a descrença nas declarações, as lembranças da cidade imperial, a noite sem luar, como cantava o poeta.

Não morre em mim o café derramado, os olhos azuis, o reconhecimento na primeiro encontro de olhares.

Não morre em mim os passeios pela orla, os telefonemas infindáveis, o céu em comemoração, as discussões mais bobas e o amor na sua forma mais pura. Não morre em mim o timbre da voz, e os grandes olhos negros brilhantes.

Não morre em mim as confissões em tardes de sol, a antiga troca de correspondência em envelopes cor-de-rosa.

Priscila, Felipe, Pedro, Thiago. Igor, Bianca. Pessoas que marcaram a minha vida e cuja as relações mergulharam no tempo, na distancia, na vida...Pessoas que em sua maioria eu não sei como estão, o que fazem, o que sentem. Pessoas que não irão ler esse texto. Pessoas cuja minha lembrança já pode ter morrido.

E mesmo assim, pessoas que não morrem em mim.

7 comentários:

Chico disse...

Sab, tem gente que não morre. Momentos bons e vividos juntos... Momentos de escola, trabalho e outros.


BELO TEXTO, amei!


Abraços.

São disse...

Minha querida, não creio que se não lembrem (também ) de si, sabe?

Um abraço grande.

Juliano disse...

Nossa! Que lindo esse texto.
Acho que todo mundo tem amigos assim, distantes, importantes, mas que não temos mais contato.
Parabéns! Muito bonitas as palavras!

O Árabe disse...

Assim é: não morrem em nós as pessoas queridas. Nunca! :) Boa semana, amiga.

Ariana disse...

Momentos bons não morrem nunca!

Lindo texto!

bjo

★тєcα★ disse...

Ah que lindo Máh,lindas palavras!!!Feliz páscoa!

continuando assim... disse...

estamos perto do final... se final houver.
o capítulo 18, é o último capítulo do livro
quem já leu o "Continuando assim...", sabe como termina o livro.
A todos vocês que têm andado por aqui pacientemente , lanço o desafio prometido .
Antes de publicar o último capítulo , gostava que me dissessem como gostariam de terminar esta história de Alice e André.
Podem publicar os "vossos finais" nos comentários ou mandar directamente para o mail
queirozteresam@gmail.com
Irei postar aqui todos os finais possíveis , todos os "vossos finais" :)
Estou quase certa que algum de vós encontra o final perfeito.
está lançado o desafio, para já espero as vossas respostas
um grande beijo a todos !!

About Me

Minha foto
♥MáH♥
Alguém aprendendo a lidar com emoções, sentimentos...alguém aprendendo a viver.
Visualizar meu perfil completo