topbella

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

O teu lugar...




Um dia você acorda e percebe que nunca teve um lugar de verdade. Percebe que assim como muitos, caiu na armadilha do bem-amado e tudo que você achou que existia se reduziu apenas a palavras e na melhor das hipóteses planos.
Talvez o outro tenha se esforçado pra te encaixar em sua vida, talvez tenha realmente desejado que você ocupasse um lugar, mas nem tudo é o que planejamos, o que desejamos. Talvez tudo não tenha passado de um plano, pra te seduzir ou pra te usar e agora que a conquista já foi obtida é hora de sair de cena.
Você pode ter dado o seu melhor, pode ter se guardado demais, pode ter acreditado na veracidade das frases feitas não importa. Importa sim, a maneira de sair.
Li uma vez que " a melhor maneira de sair é sair completamente". Então, saiamos!
Saiamos cantando e dançando ao som do Leoni, sem perder o otimismo de um dia encontrar o nosso lugar de verdade, ao lado de quem nos queira de verdade... essa é a regra!

Carro e Grana - Leoni


Houve um tempo em que tudo girava ao meu redor
Dos meus desejos e vontades
E todo mundo ria de tudo que eu dizia

E eu dizia um monte de bobagens
Eu achava que tinha de tudo para sempre
Que eu tinha amigos de verdade
Mas a verdade sempre vem bater à porta
A gente tenha ou não vontade
Já tive carro e grana
E um monte de convites pra qualquer lugar
Hoje eu só ando a pé
Mas eu continuo a andar
E aquelas pessoas que andavam ao meu redor
Hoje escolheram uma menina
Que por enquanto acredita em tudo que eles dizem
É a mesma história toda vida
O que eu sei eu sei que ela só vai descobrir
Quando ela sair de moda
Um tropeço é melhor professor do que o sucesso
É tudo bem mais claro agora

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Mulher Maravilha





Ela era linda. Pra ela, eu que era linda.
Eu admirava sua facilidade com os números, ela admirava minha intimidade com as letras.
Eu, sempre pesando mais que gostaria, imaginava como era mais fácil pra ela, sempre a mais magrinha da turma. Ela só queria desfilar pelas ruas com mais corpo e um belo decote.

Eu invejava sua liberdade de ir e vir, ela gostava de ficar em casa algumas noites. 
Ela lutava para ter um capricho realizado, eu filha única, não valorizava tanto assim o que obtinha com certa facilidade.
Ela se casou, mudou de país, voltou...é mãe. Eu continuo aqui, mais que solteira, sozinha talvez.

Durante toda a adolescência uma foi a " mulher maravilha" da outra. Mais que amigas, éramos também alguém em quem se espelhar.
Estivemos juntas na festa de 15 anos, fui madrinha de seu casamento, comi do bolo de aniversário de sua filha. Uma participou das decisões mais importantes da outra, dos segredos, das alegrias, das tristezas que nos pareciam tão maiores. 
Hoje moramos no mesmo bairro, batemos papo, reclamamos da vida e relembramos o quanto vivemos de verdade nesses anos que se passaram.
Somos hoje,  a prova viva de que a admiração não é apenas um combustível, um requisito, mas sim a alma das verdadeiras e belas amizades.



About Me

Minha foto
♥MáH♥
Alguém aprendendo a lidar com emoções, sentimentos...alguém aprendendo a viver.
Visualizar meu perfil completo