topbella

sexta-feira, 7 de setembro de 2007

Sabe-se lá o porquê, vim a me apaixonar pela tentativa de poema abaixo...Tem tanto de mim ali, que não consigo ficar muito distante... Ainda sem título, ainda presente por aqui...






Os dias que passaram mudaram minha vida.

O pôr-do-sol não teve dourado,

as estrelas não foram cadentes,

os sorrisos não foram tão grandes.

Os êxtases que me tonteiam ficaram maiores

e a embriagues veio do frio.

Até tentei segurar nas mãos da esperança

numa tentativa absurda de impedi-lamas ela se foi...

Olhou nos meus olhos,

pareceu prometer voltar naquele silencio ensurdecedor que fazia...

Mas ela se foi.

Algumas belas palavras ficaram perdidas no ar

depois de serem pronunciadas.

Os abraços porém foram sentidos

sem nem ao menos fazerem menções de acontecerem.

“Aceite certas verdades inescapáveis”

Aceite.

Aceite.

A aceitação não veio...

A alma desvelou-se um pouco...

talvez até numa sensualidade por muito incompreendida.

O corpo apenas adormeceu...

apenas tonteou-se no êxtase que cresceu...

e embriagou-se no frio que fazia por esses últimos dias.

Os dias passaram...e estes não voltarão jamais.

2 comentários:

Um Momento disse...

tristeza, dor...
Não!
Os dias que hoje vives podem mudar a tua vida
O por do sol tem dourado
As estrelas sorriem-te
Ela sorri-te!
Sorri-lhe também
Está presente no teu coração...
Num calor humano te abraço
Segura a minha mão...
Abraço-nos
Sentidamente...
Um beijo muito sentido... mesmo
(*)

rosa dourada/ondina azul disse...

Tudo vai mudar,
dá-te tempo,
a esperança renovada
vai aparecer,
O sol vai brilhar
e o teu ser inundar !

Beijinhos, de conforto

About Me

Minha foto
♥MáH♥
Alguém aprendendo a lidar com emoções, sentimentos...alguém aprendendo a viver.
Visualizar meu perfil completo