topbella

quinta-feira, 1 de julho de 2010

Saberes




Não sei matemática, física e química. Meu raciocínio lógico-matemático é lento. Não sei outro idioma e pra ser sincera, nem sei usar o meu com perfeição - tropeço no S/Z/ e S/C - . Não sei cantar, não entendo muito de informática, não sei dizer não e não sei dar uma resposta brava pra alguém nas primeiras " alfinetadas" que recebo por aí...
Não sei cozinhar feijão, não sei mexer em photoshop, não sei driblar minha preguiça...
Mas, uma vez uma grande personalidade da educação disse que " não há saber mais nem saber menos. Há saberes diferentes." Seu nome? Paulo Freire.
Por isso, digo que sei me enturmar num ambiente diferente ao meu. Escrevo razoavelmente bem. Sei ouvir, sei cozinhar, sei contar histórias.
Sei preparar uma aula, sei virar criança. Sei fazer minhas unhas, sei me colocar no lugar das pessoas. Sei respeitar e sei falar de bullying com uma certa propriedade no assunto.
Possivelmente não sei de muitas outras coisas - assim como sei de outras também- que não me vem a memória, ou simplesmente não se encaixam nas frases acima. Talvez eu seja uma sábia...
Sabedoria não se limita ao desenvolvimento acadêmico tão valorizado pela maioria de nós. Sabedoria vai além...
E sendo assim, é sábio também aquele agricultor que é capaz de dizer a hora só de olhar pro sol. É sábio também aquele pescador que conhece o caminho exato em meio as águas, a curandeira que conhece a erva milagrosa para algum mal.
É sábio também aquele que cria programas avançados de softwares, aquele que constrói uma casa forte e confortável pondo idéias no papel e aquele que a faz, colocando a mão na massa. É sábio aquele que cria uma música, aquele que a interpreta e aquele que a reconhece como arte.
É sábio aquele que se permite errar e que aceita ser limitado em algum cenário da vida.
No fim, de uma maneira ou de outra somos todos sábios e limitados. Somos sábios, mas somos humanos.

10 comentários:

Amanda disse...

Realmente somos cada um a qual devemos ser! O Paulo Coelho escreve muito bem, gosto das coisas que ele escreve! Muito legal o texto! Um super beijo para você!

O Árabe disse...

Você sabe de muitas coisas, sim; o texto já comprova! :) Boa semana.

*Natália* disse...

Maaahzinhaa.

Que saudaaaaaaaades =))

bj bj =))

Ariana disse...

Adoro Paulo Coelho, ele tem o don da palavra!
Adorei o texto!

bjos

jrol disse...

Todos são sábios. Aprendem com a vida o que deve ou não ser feito. Até mesmo os animais entram nesse mérito. A única criatura que pode ser não ser considerada um sábio é aquela que acha que sabe mais do que os outros.

Claudio Lima disse...

Adorei seu post, minha linda... há tempos não passava por aqui e estava perdendo toda esta riqueza. Escreva mais, escreva sempre!!!

Chico disse...

Não tenho muito o que falar, apenas que isso é viver... e você sab fazer muito bem... Não querer ser mais nem memos que ninguem... Apenas senti e faz...

Também não sou nenhum cozinheiro, mas sei fazer umas três coisas... Num sei cantar, mas toco violão ( não muito bem, mas toco), letras num sou muito amigo delas. Ser diferente é normal, normal é ser diferente.


Se você sabe mais que alguem é porque você aguçou sua mente pra tal, não vamos ser 100% em tudo que for posto em nossa frente, caso contrario o que seria o Isaac Newton, Tom Jobim, Freud, Clarice, Drummod e tantos outros seres fora do normal.


Gosto de tu, porque és diferente, tem um belo sorriso e é alegre e pra mim cê é a pessoa mais simples que posso conhecer em sua plenitude, digo de ser humano.


Adoro.


Abraços

★тєcα★ disse...

Ah que lindo Mah, mas pensa se todos fossemos iguaizinhos, que chato, né?O bom é que podemos ensinar um pouco aos outros e aprender um pouco com os outros!

Beijinhos!!!

Chico disse...

Maaaaaa, tem selinho pra ti no meu blog.

♥MáH♥ disse...

Eba

About Me

Minha foto
♥MáH♥
Alguém aprendendo a lidar com emoções, sentimentos...alguém aprendendo a viver.
Visualizar meu perfil completo